Seguidores

sexta-feira, 25 de agosto de 2017

Doce de figo com vinho do porto.

Doce de figo com vinho do porto

Este ano as árvores estão todas carregadinhas de frutos, doces e maravilhosos, é tanta a abundância que a que aproveitar a fruta da época, e uma das soluções é recorrer as compotas e doces. Pois assim podemos tirar partido dessa fruta noutras alturas do ano, usando as mesmas para rechear bolos e tortas, para comer no pão ou em torradas, e assim acabamos por poupar.

Também é uma ótima ideia para oferecer junto de um cabaz como prenda de natal.

Se fizer como a receita diz e a seguir a cozinhar e enfrascar  e fizer a pasteurização, tem compota que dura o ano todo.

E outra coisa que não vale é cortar no açúcar, pois a função do açúcar na compota não é só adoçar é também conservar. E ninguém come um pote de doce sozinho num dia.




rendeu 5 frascos de 150ml.

Se preferir pode fazer compota sem açúcar, deixo aqui o link da receita, mas esta só se conserva no frio durante 5 dias ou pode congelar.


Ingredientes:
1200kg de figos (usei pingo mel)
500gr de açúcar amarelo
1 pau de canela
100gr de vinho do porto ruby

Preparação:
Lave os figos, e  e tire o pé, pode colocar inteiros, eu preferi abrir ao meio, para ver se por dentro não morava algum bicharoco, sendo que os figos são biológicos, não queria correr o risco de estar a por proteína na compota…e seque-os com papel de cozinha.

Coloque no copo os figos, o vinho, o pau de canela e o açúcar, feche a tampa e programe 40 minutos / varoma / vel. colher inversa ( use os 120º na TM5)

Retire o pau de canela e triture 30seg/vel5.

Coloque o doce ainda quente em frascos esterilizados, eu esterilizo num tacho com água e deixo ferver 15 minutos, depois tiro e coloco o doce quente nos frascos quente e fecho os frascos, volto a meter num tacho com água (até +/- 2/3 do frasco) e depois da água começar a ferver, deixe ficar a ferver durante 20 minutos.


Depois com muito cuidado retire os frascos do tacho e vire-os com a tampa para baixo e deixe assim até terem arrefecido completamente. 
Desta forma pode guardar na despensa, não necessita de frigorífico a não ser depois de aberto o frasco.


Assim consegue manter bem conservado o ano inteiro.