Seguidores

terça-feira, 16 de janeiro de 2018

Bolachinhas bebé – paleo

Bolachinhas bebé – paleo.

A partir dos 10 meses
(ou de acordo com as indicações do seu pediatra)

Não é fácil encontra opções saudáveis para bolachas, ainda para mais, sem glúten e sem lactose e sem açúcares, e fáceis de fazer… pois estas são bastante simples.

Apesar de o arroz estar numa zona cinzenta no paleo, descompliquei.

Quanto a introdução dos frutos secos, como nozes, amêndoas, avelãs, cajus…  é um tema controverso… sempre ouvi dizer que não deveria ser oferecido aos bebés antes dos 24 meses, devido as alergias e não deve ser dado as crianças antes dos três/quatro anos, pois as mesmas ainda não mastigam bem, como tal, é possível que alguns pedaços mais pequenos de frutos secos possam alojar-se acidentalmente nos seus brônquios ou pulmões ou mesmo provocar o engasgamento, entre outros.
Mas quando me pus a pesquisar sobre alimentação alternativa, sem glúten, paleo, são diversos os blogues que tem receitas para a pequenada com farinhas alternativas, como as dos frutos secos, são varias as mães que dão aos bebés a partir dos 6 meses… A minha primeira reação, foi “que gente doida e se o bebé for alérgico?”. O mesmo que devem estar a pensar agora que viram as minhas bolachas, ou não.

Depois dessa minha reação inicial, fui ler mais sobre o assunto, falei com a minha médica de família, com a enfermeira no centro de saúde e com a pediatra dos pequenos, e fiquei mas sossegada… Ambas disseram que se não existe a família casos de alergias aos frutos secos, e que sendo em farinha e somente em farinha (bem triturados), que poderia usar fara fazer bolos e bolachas, pães… Mas para oferecer somente a partir dos 10 meses, e um fruto seco a cada 15 dias.

Estas como levam ovo, só lhes dei agora que também já introduziu o ovo na sua alimentação.

E assim hoje fiz a minha primeira experiencia e correu bem, por isso partilho convosco.

Não esfarelam, não há perigo de se engasgarem, podem fazer no formato redondo ou mais alongado para o bebé pegar melhor.








Estes carimbos comprei no pingo doce o ano passado, não sei se ainda existe a venda.
Rende cerca de 20/25 unidades, dependendo do tamanho.

Ingredientes:
100gr de tâmaras sem caroço e sem aditivos
230gr de farinha de arroz (a bimby faz)
100gr de farinha de caju (a bimby faz)
30gr de óleo de coco
2 ovos M


Preparação:
Caso não tenha as farinhas já feitas, aproveite o copo limpo e seco para fazer primeiro as farinhas.
Coloque no copo bem limpo e seco 230gr de arroz e pulverize 1mint/vel9.
Dependendo da qualidade e marca de arroz pode ser necessário peneirar. Passe a farinha por uma peneira e descarte os resíduos se houver.

Coloque no copo bem limpo e seco 100gr de caju sem pele e
 pulverize 5 seg/vel 9, retire e reserve.

Coloque no copo as tâmaras e pique 20seg/vel9, com a ajuda da espátula baixe o que ficou nas paredes do copo e descole do fundo, junte o óleo de coco, os ovos, as farinhas e mexa 30seg/vel4. Retire do copo, faça uma bola.



Pré-aqueça o forno a 180º
Forre um tabuleiro com papel vegetal.
Com as mãos “barradas” em óleo de coco retire pequenos pedaços e forme bolas, disponha no tabuleiro afastadas umas das outras.


Com as mãos espalme um pouco.



Caso tenha um carimbo como este, o mesmo deve ser molhado em água a cada utilização, ou seja molha, coloca sobre a bolacha e espalma, retira, passa na água e coloca sobre outra bolacha e assim até acabarem as bolachas.





Caso não tenha carimbo e queira espalmar direitinhas, pode fazer o mesmo usando a parte de trás de um copo.

Baixe o forno para 160º e coza as bolachas cerca de 20 minutos, o tempo pode variar de forno para forno. Vá vigiando, quando as mesmas ficarem douradas, retire e transfira para uma grelha para arrefecerem. Guarde numa caixa hermética de forma a ficarem secas e estaladiças por mais tempo.

Espero que gostem e espero pelo vosso feedback…
E sim… já tenho em mente umas sem frutos secos e sem ovo….

As ideias são como as cerejas…. Estou a escrever esta e já outra hipótese esta a fervilhar…